Conseguiu incluir no edital da migração a possibilidade de ingresso de servidor que usufruiu de licença maternidade, luto e férias

Compartilhe
Messina interveio junto à SME para que passasse a considerar também como apto a migrar para a carga horária de 40 horas todo servidor que tivesse usufruído de licenças maternidade, luto e/ou férias.

Matérias Relacionadas


Gabinete do Vereador Paulo Messina - Câmara Municipal do Rio de Janeiro, Praça Floriano S/N, Sala 502, Cinelândia
Telefone (21) 3814-2094
Assessoria de Imprensa - Telefone / Whatsapp (21) 98032-8787
Whatsapp da Educação (21) 97693-8156