Reduziu a carga horária dos Agentes de Educação Infantil

Compartilhe
Durante muitos anos, a creche foi vista apenas como um lugar para os pais deixarem seus filhos para poderem trabalhar. Em 2005, ainda com esta visão, a Prefeitura criou o cargo de Agente Auxiliar de Creche (AAC), para trabalhar em sala de aula 8 horas por dia. No entanto, esta jornada logo se mostrou exaustiva em virtude do intenso esforço que Educar 25 crianças de 0 a 3 anos requeria. Isso tudo resultou numa estatística ruim para todos: Os AACs se tornaram a categoria que mais pedia licença médica no município. Para reparar isso, Messina criou uma lei modificando a grade dos AACs, o que na prática reduziu de 40 para 30 horas semanais o período que a categoria deveria cumprir dentro de sala (passando a destinar 10 horas para planejamento e aperfeiçoamento profissional), sem que houvesse, porém, qualquer prejuízo às crianças, pois os horários foram mantidos.

Gabinete do Vereador Paulo Messina - Câmara Municipal do Rio de Janeiro, Praça Floriano S/N, Sala 502, Cinelândia
Telefone (21) 3814-2094
Assessoria de Imprensa - Telefone / Whatsapp (21) 98032-8787
Whatsapp da Educação (21) 97693-8156